terça-feira, 26 de março de 2019

2019: INÍCIO DE UMA ERA DOURADA

 
 Namastê.

    Fazia muito tempo que eu não trazia mais nenhum assunto aqui para o blog, mas há uns dias venho sentindo de trazer as postagens de volta e resolvi trazer um assunto bem polêmico no meio espiritual: 2019 como Data Limite proferida por Chico Xavier e a mudança que ocorre na Terra em Março desse ano.

    Mas, vamos por partes. De milhares em milhares de anos, a Terra passa por uma profunda transformação, causada pelo processo natural de contração e de expansão da frequência nesse planeta e pela trajetória espiritual das consciências que resolvem vir para cá, assumir uma forma e viver a realidade tridimensional.

   Muito já se falou em Atlântida e Lemúria, mais especificamente dentro da teosofia onde esse assunto é muito bem tratado e explorado através do exercício mediúnico e da razão lógica. Lemúria, a chamada "terra perdida", aconteceu há muito tempo atrás em nosso planeta, aproximadamente há 700.000 anos antecedentes ao acontecimento do período Eoceno. Naquela época, encarnavam aqui em nosso planeta, consciências que habitavam corpos muito diferentes dos nossos e que viviam em povoados abaixo da superfície terrena, por terem de enfrentar a multidão de animais e répteis que viviam na superfície, contando também com o tão explorado Dinocerata e outros.

Povo de Lemúria
   A Lemúria foi um ciclo na Terra, um ciclo de experiência um tanto quanto primitiva em todos os sentidos, principalmente o de consciência. Porém, Atlântida, que aconteceu um bom tempo depois e que foi um grande ciclo recente de nosso planeta, fora um processo bem mais evoluído e expansivo do que os anteriores. Vale ressaltar aqui que antes da própria Lemúria a Terra passou por alguns outros ciclos os quais, mesmo mediunicamente, a teosofia não consegue alcançar com informações relevantes, mas que seriam períodos históricos marcados por uma diferença tão grande que não podemos compreender. No Mahabharata, na história da Terra, são relatados diferentes ciclos, períodos onde passaram pela Terra avatares como Rama, Krishna e outros ainda mais antigos, como o Narasimha. Apesar de serem épicos religiosos, existem relatos nessas escrituras de criaturas gigantes e de humanóides muito diferenciados do que conhecemos hoje como nossa organização biológica humana.


   Esses ciclos que a Terra passa de tempos em tempos são ciclos de experiência das almas. A Terra é organizada espiritualmente e hierarquicamente para que a experiência que acontece aqui seja de valia para todos e para que isso não se torne algo à mercê da ignorância e do esquecimento, como uma pura brincadeira de criança sem sentido. Existe uma Ordem que organiza tudo, alguns a chamam de Fraternidade Branca, outros a chamam de Projeto Terra, outros a denominam de Federação Galáctica, mas todos os nomes se reúnem a uma gigante fraternidade de consciências que já passaram por experiências como as que estamos passando e que fazem da Terra um orbe maravilhoso de viagem espiritual e de experienciação como método para evolução espiritual e para resgate kármico.

   Encarnar na Terra, atualmente, é de mais valia do que ter milhares de potes de ouro. Isso porque, em verdade, estamos muito próximos de uma Era Dourada, proclamada e prometida por todas as filosofias e religiões conhecidas. Os Vedas proclamam o nascimento de uma Satya Yuga (Era de Ouro) logo após o pequeno ciclo de peixes acabar (o ciclo da vinda de Jesus e a decaída da humanidade na ignorância) e o surgimento da Era de Aquário (segundo a astrologia, a Era que estamos adentrando e/ou já adentramos de forma suave). Satya Yuga é proclamada na própria literatura hindu sânscrita como a Era da Verdade que será inaugurada logo após a encarnação de um novo Avatar de Visnhu que viria para ensinar aos homens a Verdade que fora esquecida desde éons, a Verdade das Verdades e o Mistério da Eternidade. Esse Avatar já encarnou duas vezes em nosso Orbe e nos trouxe transformações tão grandes que nossos olhos humanos que somente percebem a realidade material não podem alcançar, tamanha magnitude de Seu Amor. Não citarei nome algum aqui por, provavelmente, muitos comentarem a respeito de que isso não passa de fanatismo. Esse seria o Segundo Advento de Cristo, fica a cada um mergulhar no Templo Íntimo e tirar, dali, toda informação e sentimento a respeito disso, exercendo, acima de tudo, a percepção da racionalidade, para que não caiamos na falsa imaginação do ego.

   Esse Avatar que está prestes a realizar Sua terceira encarnação nos próximos meses, ou anos, não sabemos, irá encerrar o ciclo de trevas e escuridão no qual estamos e irá dar início à um novo período evolutivo no nosso Orbe. Os espíritas proclamam isso como o fim de uma Terra de Provas e Expiações (que há muito fora uma Terra de Trevas) e passará a ser uma Terra de Regeneração. É por esse motivo que a retirada da camada de frequência umbralina está acontecendo em nosso planeta com o auxílio da Fraternidade (ordem da qual citei anteriormente). A retirada do Umbral é um fato que vem acontecendo já faz um tempo e que muitos centros espíritas, umbandistas e de outros trabalhos espirituais dignos, têm percebido a urgência do auxílio espiritual para almas que ainda se encontram perdidas e perambulando em suas próprias projeções psíquicas de individualismo e esquecimento.

   A retirada do umbral acontece à medida que essas almas são resgatadas e levadas novamente à frequências que permitam que se mantenham em camadas vibracionais mais sutis. Quando o Umbral estiver limpo de tais habitações (e cá entre nós, isso vai um tempo, pois muito da humanidade jaz nessa frequência) ele será finalizado e então conheceremos um Orbe Regenerativo, onde as expiações kármicas se tornam mais sutis e onde a humanidade como um todo se direcionará para a ascendência à novos patamares de consciência e de despertar (despertar aqui tratado como termo budista, hinduísta e vedântico para sinônimo de iluminação).

    A reencarnação dessas almas que não condizem mais com a elevação da frequência planetária gradual não acontecerá mais, isso é, as consciências que resolverem permanecer na energia velha do antigo ciclo, não conseguirão adentrar o novo ciclo. Calma, isso não quer dizer, jamais, que pelo fato de cometermos nossos erros humanos atualmente significará que iremos perder a valiosa oportunidade de reencarnação nesse planeta regenerativo. As pessoas que continuarem na energia da violência, do ódio, movidas pelo desejo pelo mal e pela ignorância são consciências que ainda precisam de experiências em um mundo de ignorância (ciclo antigo) e, por isso, como forma natural e extremamente condizente com suas próprias jornadas, essas pessoas irão para orbes que condizem com seus patamares de consciência, não tendo, isso tudo, absolutamente nada haver com um castigo divino serem transportadas para outros orbes. Assassinos, corruptos, traficantes, controladores, charlatões, pessoas de extrema má índole perderão suas oportunidades de reencarnação aqui. Aqui, também, colocamos a presença de todos as consciências encarnadas e desencarnadas na Terra que servem à ordens mais baixas e de má índole que procuram prejudicar a humanidade afim de possuírem poder, reconhecimento, energia ou algum tipo de fim pessoal.

    Ao mesmo tempo que tudo isso já acontece, almas de planetas muito evoluídos reencarnam aqui, na Terra, com o objetivo de incentivar e auxiliar na transição planetária. Mas, isso não deve ser um motivo para autosabotagem, para pararmos e ficarmos pensando: "Nossa, eu devo ser um desses espíritos". Isso é ignorância e prendimento ao eu. O caminho espiritual verdadeiro é sempre o de transcendência desse eu para fundir-se no Todo, essa é a Religião eterna do Amor.

    Dito tudo isso, o exercício mediúnico de muitas religiões e pelas escrituras védicas que datam de mais de 5.000 anos A.C, estamos prestes a adentrar a Satya Yuga. Muitos têm sentido uma nova brisa suave vindo de um horizonte que não parece estar longe, muitos têm sentido que algo grande está acontecendo, muitos têm sentido que olhar para dentro e focar em suas próprias iluminações e/ou ajudar seus próximos a saírem do sofrimento está mais presente, naturalmente, do que pensar e focar nas questões puramente materialistas e de princípio individualista. Isso é natural à medida que a Nova Energia chega, trazendo a compreensão de que todos os seres senscientes são de uma mesma natureza e de uma mesma Mente Superior.

    Dito isso, entendamos: a transição planetária para uma nova era, uma nova energia, não ocorre, tão somente, de um mês para o outro (março está sendo entendido como a chave para o início dessa 'nova era') mas, sim, uma transição que ocorre de momento a momento enquanto NÓS caminhamos para uma nova consciência, não mais baseada no ego, mas baseada no Ser.

   Por favor, entendam isso, é importante que entendam. Nada cai do céu, as ajudas vem, somos nós que aproveitamos ou não, somos nós que decidimos a Nova Terra e o Universo como um todo nos apoia nisso, porque isso nos aproxima do que somos, AMOR.
                                                     
    2019 E A DATA LIMITE?

    A Data Limite, traduzindo do Espiritismo ditado por Chico Xavier com o auxílio de seus guias e mentores para uma realidade menos religiosa e mais prática, é a introdução de novos patamares de consciência pelo auxílio genuíno de consciências da Fraternidade (ressalta-se aqui a presença extraterrestre de seres de alta frequência energética) nas questões humanitárias urgentes, como o desenvolvimento de novas tecnologias, a limpeza energética de nosso Orbe como um todo, o cuidado com o meio ambiente, o amparo espiritual para aqueles que estão acessando um caminho de despertar, etc...

    A Data Limite é apenas um acordo de Paz de nós, enquanto experiência humana, para com nós mesmos, e não uma intervenção exterior benevolente. Entendam isso: O momento que decidimos, por nós mesmos, a estarmos em Paz e a evitarmos conflitos e escolhermos um novo método de vida baseado no amor e na fraternidade/igualdade, imediatamente recebemos apoio da Família Espiritual. Tudo é questão de livre arbítrio.

    De forma natural ao Novo Ciclo que estamos acessando, milhões de consciências encarnadas e desencarnadas decidiram e decidem, diariamente, a viver uma nova vida, um novo planeta, uma nova realidade, baseada no amor. Isso vem se expressando de inúmeras formas no planeta, por mais que a mídia não nos mostre. Mas, precisamos compreender que o objetivo último de todos esses ciclos e processos não é o de apenas tornar a Terra um lugar melhor para se viver, mas, sim, o de extinguirmos a roda de Samsara (roda de reencarnações) e sairmos da ignorância a respeito de que somos um ego (Maya) para alcançarmos Moksha (iluminação espiritual, dissolução no Oceano da Consciência Cósmica ou Samadhi).

    Muito ainda há por vir, mas muito se espera de nós, de você que lê, de mim mesmo que escrevo. Todos somos peças de um mesmo quebra-cabeça e é a partir de nós que o mundo se modificará. Se optamos e trabalhamos pelo bem (e isso começa interiormente em amando a nós mesmos e a buscarmos nossa iluminação - diga-se aqui que iluminação não é somente um processo moral, mas prático de sair da separatividade) e pela conduta derradeira de sermos amorosos com os que estão à nossa volta e de fazermos o melhor que pudermos. Aquele que ama, alcança a Deus, já diz a espiritualidade.

    O Amor é, em verdade, o objetivo. O Amor não é uma substância forçada moralmente, ele acontece com a transcendência e a transcendência vem com autoconhecimento. É isso: autoconhecimento, é o que virá nessa Era Dourada. Autoconhecimento será a Religião, será a Ordem, será a Conduta, será a Lei.

    Conhece-te a ti mesmo.

   A astrologia também nos traz muitas informações que comprovam o adentrar de uma Nova Era Dourada, baseada por energias vindas de astros que nos influenciam muito a escolhermos entre iluminação e entre ignorância. A decisão é nossa! Não me atenho aqui há mais informações porque o texto já ficou longo demais, muitos têm passado por desafios, dificuldades e confusões internas que nunca se depararam antes, a maioria de nós tem ficado sem chão ou, por momentos, se deparado com dilemas, dúvidas e questões que não encontramos respostas de forma muito clara. Esse é o processo que vem pela Nova Energia, o processo que nos pede: Hey, amigo, desperte, a hora é AGORA, presente!

    Encerro esse texto (que dá pra ser um capítulo dum livro sagrado kkkk) dizendo que, aos que tem interesse, estou disponibilizando consultas com Tarot à distância da forma à combinar para auxílio nessas questões internas que estão nos tirando o chão. O Tarot têm em ajudado muito e muitas pesosas à se alinharem nesses processos intensos. Aos que tem acesso ao Tarot, ele tem sido uma forma incrível de manifestação de auxílio nesses tempos. As consultas podem ser combinadas comigo pelo meu Whats ou meu Facebook que vou deixar abaixo, não entendam isso como marketing, entendam isso como parte de meu trabalho.

   Amo vocês! Voltarei aqui conforme puder com novos posts, obrigado a cada um que leu!
   Fiquem na Paz!

   Para consultas com Tarot:
   Whatsapp: (54)99630-3340
   Facebook: Cristian Dambrós (chamar Messenger antes de qualquer coisa)



quinta-feira, 1 de novembro de 2018

PROCURAI O REINO DO AMOR E TUDO VOS SERÁ ACRESCENTADO


Namastê!

   O que Jesus queria dizer com o seu famoso ensinamento de "Procurai o Reino de Deus e todo o resto vos será acrescentado!" é que, na verdade, quando entramos no Amor Divino, tudo surge até nós. Hoje em dia, eu compreendo que muitos tem falado no tal do amor. Inúmeras pessoas falam diariamente desse amor, mas poucos realmente querem se aprofundar na verdade eterna e imutável desse princípio átmico, ou seja, esse princípio que vem diretamente de Deus.

   O Amor é tão sublime, tão poderoso, tão real, tão benéfico, que o fato de você amar já te coloca nas frequências mais altas. Com isso, tudo se alinha em sua vida. Aquele que ama é abençoado, porque está intimamente conectado com o Divino. A forma de Deus é Amor, já dizem os avatares (encarnações divinas). Quando você se permite amar, você não está mais no ego, no "meu" e "seu", você está em Deus, onde não existem mais separações.

   Se você estudar a existência do Amor, você poderá perceber que, mesmo com todas as ilusões presentes, a ilusão do corpo, o apego à mente e tudo mais, quando o Amor surge, essas ilusões ficam pequenas. Em verdade, o Amor flui diretamente de Deus através de você. O Amor também não significa que não haverão trevas ou desafios, sim, haverão! Porém, com Amor, você permite que Deus conduza tudo de Sua maneira, Ele que está alojado no âmago do teu Ser, ele que é o atma, o Eu Superior, a Verdade, que sabe tudo.

   Se você se permitir amar, isso é, servir, ajudar, abraçar, sorrir, ser alegre, dançar, viver, comemorar, comungar, estar em unidade, fazer o bem, viver no Dharma (retidão, caminho do bem), tudo irá se alinhar em sua vida. Por mais que você estude lei da atração, por mais que domine todas as técnicas do subconsciente, por mais que tenha em mãos todas as terapias do mundo, somente quando você decidir amar é que você conseguirá todo apoio divino para que sua vida se transforme verdadeiramente.

   Amar é esquecer-se de si, é esquecer do ego, do eu pessoal, do eu controlador, do eu que possui, que quer mais, que nunca está contente. Amar é estar em Deus, é estar com Deus e é ser Deus. Isso é: é sair do ego, da identidade para experimentar, através do Amor, Deus, o Todo, o Absoluto, onde todos são a mesma Vida.

   Não há nada mais lindo do que o Amor Divino, isso é, o amor desinteressado. Não o amor só pela família, pelos amigos, pelos mais próximos e queridos. Mas, sim, o Amor por todos, o reconhecimento de que Deus está alojado no Coração de todos os Seres vivos e, portanto, para amar a Deus devemos amar a todos. Somente assim se pode perceber a Iluminação, quando tudo é compreendido como Divino, como expressão única da mesma coisa. Mas isso intelectualmente é uma coisa, na prática, experinenciável, é outra. Somente amando se pode desfrutar das bênçãos disso, não falando sobre.

   Na história da Terra, passaram por aqui muitos iluminados. Uns já vieram iluminados, outros se iluminaram por aqui mesmo. Mas, ainda, existiram muitos outros que se diziam iluminados, mas que nunca o foram! Isso porque não tinham amor algum, somente intelecto, tão somente a mente pensante. O iluminado tem Amor, essa é a base. O iluminado sabe que o mundo inteiro está nas Mãos de Deus e que nada mais importa se não Amar. A vida e a morte pertencem a Deus - que está além delas duas e que é nossa verdadeira natureza. Nosso ser nunca nasce, nunca morre, não tem começo nem fim, nosso ser interno é Deus! Quando amamos, estamos vivendo para Ele.

  Eu convido você a refletir sobre essa Verdade Eterna do Amor (Prema) a que chamamos de A Eterna Religião (Sanatana Dharma).

   Felizes aqueles que amam e bem-aventurados aqueles que não desistem do amor!

   Texto: Cristian Dambrós


terça-feira, 23 de outubro de 2018

TRÊS PASSOS SIMPLES PARA VIVER FELIZ!


    Quando se fala em viver feliz, a primeira coisa que pensamos ou a imagem que criamos é a pessoa vestida a empresária, com uma mala cheia de dinheiro na mão direita, olhando para uma casa linda na praia. E tudo bem se isso for assim para você, não há absolutamente problema algum em ter esse sonho! Porém, como dizia Mahatma Gandhi: "Não existe caminho para a felicidade, a felicidade é o caminho!". Essa frase é perfeita!

   Buscamos a felicidade quando nossos objetivos estiverem sido plenamente alcançados, isso é, quando todos os nossos problemas acabarem. Temos em mente que quando não tivermos mais problemas, seremos completamente felizes. Porém, a mente é a criadora de todos os problemas e mesmo que todos os seus problemas financeiros, físicos, sociais e espirituais acabem, a mente conseguirá de alguma forma encontrar um problema. Assim funciona a estrutura psíquica do ser humano, o ego.

   Mas existem três coisas que podem nos tirar do ego e fazer com que acessemos níveis em nossa vida de maior beleza, de compreensão, de clareza, de visão e de celebração! São três passos que eu separo por experiência própria e que, sem eles, com certeza a vida fica deturpada e muitas vezes acabo caindo nas teias do ego, que cada vez mais nos afundam em sofrimento.

   Passo 1: Ame! Eu sei que muita gente já falou do amor e tem bastante pessoas que, ao lerem sobre amor, já falam: "Ah, lá vem aquela pessoa falar da importância do amor e blá blá blá.". Eu até entendo, mas fato é que isso somente ocorre quando nós realmente não colocamos o amor em prática ainda, quando não experimentamos a imensidão da capacidade do amar. Amar as vezes é difícil, porque estamos totalmente identificados com nossa identidade, com nosso eu pessoal e, portanto, só amamos quando desejamos algo em troca, quando queremos atenção, quando queremos dinheiro, quando queremos carinho, mas não abrimos mão desse "eu" de modo algum para amar, para servir, para ajudar, para fazer os outros felizes também. Venho aqui dizer, por experiência própria, que o amor transformou minha vida! No momento que você passa a reconhecer que o outro é Deus encarnado, uma expressão direta Dele, você passa a amar essa pessoa, pois o mesmo Divino que está dentro de você, está dentro dela também! E quando você ama, o Universo inteiro se aproxima para cuidar de você, quando você começa a servir, os seus problemas diminuem, porque você sai da atmosfera do eu pessoal e mergulha na atmosfera da humanidade, da Divindade, da beleza e da graça! Amar é ser feliz, é ter leveza, é ser alegre, é se divertir, é compreender a Unidade que existe entre você e todo o Cosmos inteiro, você é UM! Experimente a dádiva de amar, de abrir mão do ego.

   Passo 2: Reconheça que a vida é uma leela de Deus, isso é, uma brincadeira divina! Se você pudesse ver o que há por trás da peça de teatro da vida na Terra, você não levaria nenhum problema a sério, pois tudo está divinamente orquestrado pelas Mãos do Grande Arquiteto. Nada foge à Sua vontade e à Sua Presença. Os seres humanos criam para si os mais diversos problemas quando estão voltados totalmente para o ego, mas quando saem disso e se entregam a Deus, como ser a flauta tocada por Krishna, as suas vidas se transformam milagrosamente. Porque nosso ego quer uma coisa, mas Deus quer outra! Deus quer felicidade verdadeira, alegria, amor! Nosso ego, por sua vez, só quer poder, reconhecimento, auto satisfação. A verdadeira satisfação está em reconhecer que você é comandado por Deus e que sua vida só vai mudar quando você se alinhar com esse Divino e passar a servi-lo, a reconhecer que o Amor vindo do seu verdadeiro Eu pode mudar tudo a sua volta. Tudo é divino, perfeitamente orquestrado, a vida na Terra é uma ilusão, nada aqui é real e substancial, nem a matéria é real, por ser apenas energia condensada. A verdadeira natureza de tudo é Deus! Deixe Deus modificar sua vida, deixe Deus atuar através de você, deixe que todos os seus problemas sejam cuidados por Deus, vai por mim, isso é permitir que o Onisciente trabalhe tudo e você apenas tem de servir e amar, o resto, tudo será transformado!

   Passo 3: Medite! Medite para conhecer a si mesmo, a sua verdadeira natureza. Conhecer a Deus na meditação é o caminho mais curto, seguido do Amor. Meditar é deixar que os pensamentos diminuam, é largar a mente como quem está cansado de pensar, é desapegar-se da necessidade de controlar alguma coisa, é não pensar mais, é deixar de fazer algo, de ter alguma expectativa, algum objetivo, é deixar de estar no "eu". Sente-se e deixe que a mente faça o que quer, deixe que os pensamentos sejam positivos ou negativos, tanto faz! Apenas deixe que a mente exista e você será lançado para fora dela, mas não tenha expectativa alguma, uma vez que se você fizer isso, estará pensando.

   Medite nesses três passos, tenha certeza no que digo: Sua vida irá mudar!

   Bênçãosss!

   Texto: Cristian Dambrós


sexta-feira, 19 de outubro de 2018

A GRATIDÃO É A VERDADEIRA ORAÇÃO!

  
Se você acordasse hoje e só tivesse o que teria agradecido ontem, o que você teria?

   Que pergunta mais difícil de responder, não? Ao menos se você é uma das pessoas que costuma pedir, pedir e pedir mas esquece de agradecer. Em verdade, a verdadeira oração é a gratidão, o ato sincero de agradecer.

   A vida está continuamente te dando muitas bênçãos e graças, como a visão, o olfato, o sentido, a comida, as belezas da Terra, o intelecto, o sentimento, o potencial de ler essas palavras, de entendê-las, a família, os amigos, a internet, o dinheiro, o emprego, a moradia, a sua rua, a oportunidade de estar vivo, encarnado, a sua saúde e até mesmo os seus problemas. Sabe por que? Por que tudo vem de Deus!

   Algumas pessoas acham a frase "tudo acontece somente com a permissão de Deus" muito religiosa ou extremamente egoísta, para gerar uma zona de conforto. Pelo menos, é isso que muitos psicólogos diriam. Porém, a verdade é que essa é uma verdade universal! Veja, a maioria dos problemas que nos acontecem, em primeiro lugar, são criados por nós mesmos, por nosso livre arbítrio, por nossas mentes e por nossas vibrações. Atraímos o que nós emanamos, portanto, a Vida, Deus, respeita nossas escolhas pessoais. Em segundo lugar, algumas coisas que caracterizamos como desastres, como infortúnios, injustiças ou até mesmo como punições, não são realmente castigos da vida ou castigos de Deus - porque Deus não julga, Ele é amor, Jesus foi amor, Krishna foi amor, Rama foi amor, Buda foi amor - mas são, na realidade das coisas, aprendizados.

   Precisamos aprender a fé, a esperança, a coragem, a disciplina, a entrega, a devoção, a sutileza, a beleza no olhar, a calma no falar, a paciência, a compaixão. É para isso que inúmeros problemas nos surgem, para que possamos aprender. Alguns chamam isso de evolução, eu acredito nisso.. na aprendizagem que a vida traz através de todas as situações que nos aparecem. Quanto nós amadureceríamos sem os problemas?

   Deus nos dá aquilo que precisamos, tanto bom, quanto ruim. Aprendamos a ver a beleza e a bênção nas coisas ruins e nas coisas boas, seja neutro, seja como a árvore cujas raízes são profundas, continua bela e serena tanto na tempestade quanto no dia ensolarado. Desenvolvamos a paz interior!

   Deus nos dá, diariamente, muitas graças e bênçãos. Você já agradeceu pela vida hoje? Pelo alimento, pela família, pela possibilidade de andar, ou de falar, ou de ouvir, de ler? Por favor, querido filho da Eternidade, agradeça! Você com certeza tem mais a agradecer do que reclamar. Em verdade, reclamar é um ato de covardia perante a perfeição de Deus! O univeso inteiro está em suas mãos! "Ah, mas tenho tantos problemas!".. então, entregue-os à Divindade, entregue tudo às Mãos Divinas e o restante deixe acontecer, entregue-se no colo da Grande Mãe onde as tempestades são suavizadas pelo Amor Divino. Talvez o que você precise fazer é justamente exercitar a devoção e a fé, a confiança, a rendição do ego a Deus.

   Deus é amor, continuo insistindo isso nos meus textos. Deus é amor! É alegria! É leveza! Deus que castiga? Jamais! Deus ama cada um pois todos são expressões dele! É impossível para o próprio amor odiar! Como pode o Amor dos amores odiar alguém? Tudo vem Dele, tudo volta para Ele, Ele é tudo! O mundo é Ele e o imanifesto é Ele!

   Exercite a gratidão e veja como você recebe as graças em dobro! Agradecer é a única oração.

   Desenvolva a sutileza dos sentidos, a percepção sensível de tudo que acontece ao seu redor.
 
   Você é uma Chama de Deus! É Deus! Ame-se e ame a todos.

   "Servir sempre, ferir nunca" é o lema dos sábios. Que tal adotarmos esse lema também? Que possamos estar sempre prontos a servir, a ajudar, a auxiliar, a derramar amor pelo mundo!

   Gratidão! Namastê!

  Texto: Cristian Dambrós.



quinta-feira, 18 de outubro de 2018

DESFRUTANDO DA PRESENÇA DE DEUS


Certa vez, um homem aproximou-se de um sábio monge sentado sob uma pedra, o qual contemplava tudo a sua volta com imensa alegria e satisfação. O homem perguntou-lhe:
- O que vês?
- Vejo Tudo - respondeu o sábio.
- Duvido, já vistes Deus? - contrariando o monge.
- Sim, estou olhando para Ele.
- Como assim? Dissestes que eu sou Deus?
- Não só tu, como tudo a tua volta, eu, os pássaros, a estrada, o céu e as nuvens, a lua e o Sol, o vento, a briza, o ar que tu respira, a comida que tu come, e aquilo que também não é visto.

   Procuramos a presença do Divino muitas vezes em templos, mesquitas, em montanhas, no meio da floresta, numa oração, numa rápida prece, mas esquecemos que a presença de Deus é nossa própria essência e, portanto, é a essência de tudo que há. Já dizia Krishna, no Bhagavad Gita, que Ele mesmo está em todos e em todas as coisas, residente do coração de todos os seres animados e inanimados, ali é a Sua morada.

   O conselho que Krishna dava às gopis era a de que, por onde forem, lembrassem de que Ele não estava na aldeia, mas estava em seus corações. Podiam-Lhe encontrar na cachoeira, assim como dentro de casa, no altar do templo e no trabalho. Deus não pode ser separado, não há como! Como
pode alguma coisa, em verdade, estar separada?

   No mundo das ilusões (mundo de maya) o que prevalece é a dualidade. Tudo bem a dualidade existir, afinal, é o grande jogo de Deus, isso faz parte de Sua brincadeira. Se pudéssemos visualizar as coisas como são, em uma forma concreta, poderíamos ver todas as coisas do mundo e, logo atrás dela, o único e indivisível Krishna. Ou seja, por trás de todas as dualidades e de todas as coisas do mundo está Deus.

  Olhe para a palavra "Deus". Por si só, ela é vazia, uma ideia, um conceito, uma rápida lembrança que nos vêm de alguma religião, provavelmente a cristã, a católica. A palavra "Deus" pode denominar o indenominado? Pode definir o Indefinível? Pode distinguir o Indistinguível? Os sábios, os iluminados, os aspirantes nos respondem que não. Em meditação, quando a mente se acalma, quando as impulsividades do corpo relaxam, o que resta é a Presença Divina do Todo.

   É óbvio que para escrever esse texto precisamos das mais diversas palavras e conceituações, sem isso, não poderíamos entender a mensagem desse escrito. Porém, as vezes, é preciso relaxar a mente, aquietar suas impulsividades para perceber que, em verdade, só há Deus. Nunca houve outra coisa, outro alguém outro assunto se não Deus.

   A própria vida é Deus. Afinal, se pergunte: De onde vem os pensamentos? De que força vem os pensamentos? Você pode responder-me: "Do cérebro, é claro!" Porém, em meditação, nos estados de transe mais profundos, quando a mente cessa pelo estado de não-mente conhecido pela Advaita Vedanta (filosofia do não-dualismo hindu), fica claro que a verdadeira fonte de pensamentos é algo além do cérebro, quando todos os conceitos mentais caem, o que é que resta? Pode o cérebro desligar a ele mesmo? Onde fica, afinal, a chave que o desliga?

   A fonte de tudo é Deus, a essência, o Sat-Chit-Ananda para os hindus e o Espírito Santo para os católicos. Desfrute da Presença de Deus onde quer que você esteja, lendo essas palavras, olhando para as flores, percebendo o pulsar de seu coração. Tudo é o amor de Deus. Em verdade, não há absoluta distinção entre Deus e amor, nas palavras. Deus é exatamente o mesmo conceito e significado que amor. Quando todos os tons de egoísmo e de eu pessoal cessam, apenas resta o amor, essa experiência é Deus.

  Desfrute do amor onde quer que esteja. A vida que o norteia é amor, o calor do Sol tocando-lhe é amor, o ar que respiras é amor. Abra seu coração para sentir o Divino imanente em todas as partes. Sente-se, relaxe sua mente, entregue seu corpo e perceba que você, o indivíduo, é só um galho de uma grande árvore chamada Deus, um pequeno dedo da Mão Divina, uma pequena expressão de Sua imensidão.

   Você não está separado de Deus e, portanto, de todos os outros e de todas as outras coisas. Nunca existiu "outro", que bobagem! É saindo do ego pessoal que se pode presenciar a Graça de Deus que a tudo permeia. Desfrute dessa presença todo amorosa, indispensável pois, afinal, é nossa existência.


quinta-feira, 5 de abril de 2018

A MEDITAÇÃO PODE MUDAR SUA VIDA!


Namastê.

Você tem ansiedade, depressão, insônia, estresse, traumas, baixa autoestima, carência, dores de cabeça, irritação, culpa, pânico?

Por favor, leia esse post por inteiro!

A cada dia que se passa, a meditação fica mais e mais conhecida como método de tratamento de transtornos de ansiedade, pânico, depressão, estresse e pela própria busca de mais felicidade, autoconhecimento e paz interior.

Não é a toa que a meditação está crescendo, tanto dentro das linhas de yoga, quanto simplesmente pela prática terapêutica aberta fora de linhas espirituais. A meditação está sendo vista como o santo remédio para os problemas atuais de uma sociedade corriqueira, estressante, voltada sempre ao ego, ao apego e às ilusões de um mundo extremamente material e competidor.

Estudos e pesquisas têm mostrado que a meditação é capaz de reduzir drasticamente os sintomas de ansiedade e depressão, assim como a insônia. Meditar nos coloca de volta ao nosso centro, ao nosso eu, saímos da mente confusa, pensante, viciante e mergulhamos na soltura, na leveza, na entrega, no fluxo. O que mais precisamos nos dias de hoje é isso, essa consciência, essa leveza de ser e de levar a vida.

Mas, afinal, o que é meditação? A verdade é que toda forma de relaxar, de estar no presente, de acalmar os pensamentos pode ser chamada de meditação. A meditação mais pura que existe é a arte de observar os pensamentos, sentimentos e sensações físicas como um telespectador de tudo que acontece no seu campo de percepção. Apenas observar sem se identificar, apenas observar como se estivesse assistindo à uma tela de cinema. Essa é a meditação mais pura que há e requer prática. Observando nossos pensamentos e sentimentos, tomamos consciência do que se está passando em nós e, indo mais a fundo com a observação, percebemos que não somos o que pensamentos e o que sentimos, mas somos uma realidade além das palavras e além da mente, o que nos dá extrema liberdade, sensação de paz e felicidade autênticas.

A meditação que recomendo aos iniciantes é a meditação da respiração, que assim a chamo. Você irá apenas observar sua respiração. Se desejar, pode assumir uma postura com a coluna ereta, sentado, ou simplesmente deitar (há o perigo de cair no sono - por vezes pode até ser bom). A única coisa que você fará é estar consciente de sua respiração, da sensação gelada do ar entrando e saindo das narinas. Você não irá forçar a respiração em nenhum momento, irá deixá-la natural, espontânea, do jeito que tem de ser. Irá apenas observá-la, testemunhá-la, voltar toda sua consciência para isso. Obviamente que nossa consciência se dispersará, principalmente se você é iniciante, mas aí entra um dos aspectos mais importantes: não se cobrar e não se culpar por esses desvios. Os desvios acontecerão, apenas volte sua atenção novamente à respiração. A prática é tudo. Outra coisa importantíssima a se saber é que, durante a observação da respiração poderão ocorrer barulhos, sons, coceiras, estímulos físicos além da respiração. O que você deve fazer? Tire sua atenção da respiração e coloque nessas coisas até que elas passem. Isso mesmo, não evite nada! Quando um barulho alto acontecer, observe-o, não tente evitá-lo e, após passar, volte à respiração.

A prática, novamente digo, é tudo! A meditação da respiração é maravilhosa porque é algo fácil de se fazer e que dá resultados imediatos. Mas, com o tempo, lhe convido a praticar a meditação pura - a pura observação dos pensamentos e sentimentos, sem nada fazer e sem tentar controlar nada. Essa é a meditação verdadeira.

Quanto tempo devo meditar? O tempo que você quiser, oras. Não há regras. 5 minutos já é ótimo. Mas, se para você 3 minutos está bom, então o faça. Se sentir que deva meditar mais, medite. Faça isso com prazer, não com cobrança. Meditação não é um dogma!

Quando devo meditar? Sempre que puder. A meditação pode, inclusive, ser de olhos abertos na rua, na fila do supermercado, sempre que você estiver ansioso pode simplesmente respirar fundo e manter essa respiração com consciência. Obviamente que, meditar enquanto dirige, por exemplo, pode ser perigoso, a não ser que você medite observando a estrada e os estímulos visuais - o que também é meditação. Sempre procure meditar em silêncio quando estiver sozinho, para as meditações mais profundas.

Quando você medita, sua energia se alinha, você recebe o prana do Universo, seu cérebro oxigena, relaxa, descansa, seu corpo alcaliniza enquanto os batimentos cardíacos acalmam e as ondas cerebrais reduzem, seu campo mental clareia e seu humor melhora! Não é maravilhoso

Vamos praticar?

TEXTO: CRISTIAN DAMBRÓS
Facebook: https://www.facebook.com/cristian.dambros.1
Pág. Facebook: https://www.facebook.com/portalconsciencia/
Instagram: https://www.instagram.com/portalconsciencia/ 



sexta-feira, 23 de março de 2018

O MEDO TAMBÉM PODE SER UMA DANÇA! NÃO FUJA DELE!

 
O medo têm sido tratado como uma coisa a se evitar, algo a se fugir. Ele é considerado ruim, é considerado terrível, horrível, um monstro de 10 cabeças gigante que atormenta a todos sempre que se faz presente.

Não devíamos ver o medo assim. O medo é simplesmente um dos muitos sentimentos que o Criador, Deus, o Universo ou seja como for, resolveu manifestar. Desse modo, ele não deveria ser considerado ruim, porque nada que o Universo exteriorizou é ruim!

O medo também pode ser uma dança! Ele também pode ser uma celebração!

Veja como é irônico. As pessoas querem muito que o medo suma, que o medo vá embora e isso pode facilmente acontecer se nós dançarmos com ele. Mas, não... as pessoas querem muito que ele vá embora e tentam lutar contra ele, tentam se esconder do mesmo. O que acontece? O medo fica sempre batendo à porta. Isso porque ele quer dançar e ele não vai desistir até que você dance com ele!

Se entregue ao medo. De às mãos à ele e dance, dance como se todo o teu Ser, toda a tua energia, todas as tuas forças estivessem com o medo. Seja o medo, esteja com o medo, celebre o medo e desfrute do medo. Não há mais nada a ser feito, apenas esteja com o medo. Permita que cada célula e que cada músculo do seu corpo seja tomado pelo medo. Você perceberá que algo fantástico começa a acontecer, uma energia começa a ser transformada: você começa a se divertir com o medo, você, por um instante, começa a ver que o medo não é ruim mas também é uma forma de dançar com o Universo e de experienciar o que está presente!

O medo começa a se tornar uma brincadeira, uma dança alegre e gratificante! O medo, aos poucos some e se transforma em amor. Que alquimia maravilhosa! Que bênção!

O medo apenas quer dançar com você. Dance!

Celebre! Se permita!

Se permita aos sentimentos que você tem considerado como "negativos".

Se permita viver o seu agora com intensidade!

Dance, celebre e viva cada sentimento com muita, muita intensidade!

Se você deseja conhecer meu atendimento holístico à distância com Reiki Karuna acesse esse link:

http://portal-da-consciencia.blogspot.com.br/p/atendimento-reiki-distancia.html

Namastê!

Texto: Cristian Dambrós
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UChClv3hIgy0evHVLGnqfpQA 
Facebook: https://www.facebook.com/portalconsciencia/ 
Instagram:  https://www.instagram.com/portalconsciencia/


segunda-feira, 19 de março de 2018

CUIDADO COM A FALSA ESPIRITUALIDADE!



Namastê!

Lhes digo: cuidado com a falsa espiritualidade!

Vejo muitas pessoas adotando a espiritualidade como mais uma máscara do ego. Percebo muita gente dizendo: "eu sou médium, eu tenho uma essência felina de Sírius, eu fui um mágico na vida passada, eu sou importante porque sou uma alma índigo" entre tantas outras coisas que, minha gente, eu me pergunto o que é que está acontecendo!?

Muitas pessoas discutem diariamente suas teorias insanas de espiritualidade nos grupos espiritualistas que tem por aí no facebook e no whatsapp. Pessoas se agredindo verbalmente, julgando uns aos outros pelas crenças, pelas diferentes opiniões. Cadê a espiritualidade? Será que espiritualidade realmente é isso?

As pessoas buscam a espiritualidade como meio de encontrarem mais felicidade, mais paz, mais contentamento e satisfação, mas, acabam se prendendo nas teias do ego, mais uma vez. Infelizmente, as pessoas costumam utilizar tudo como meios para suprir as necessidades e desejos egocêntricos do falso centro - o ego, a individualidade. A verdadeira espiritualidade é a que nos coloca de volta em contato com nós mesmos além desse personagem mascarado a que chamamos de ego; a verdadeira espiritualidade é a que nos faz descobrir quem somos de verdade, sem a influência do mundo externo, sem a influência de mestres, livros, gurus, pessoas, opiniões, teorias, doutrinas, religiões.

É por isso que todos os grandes mestres de si mesmos diziam aos homens: "Conheça-te e terás as respostas para tudo!". Quando nós mergulhamos para dentro e descobrimos que não somos nosso ego, que não somos essa mente incessante de desejos loucos e insanos, nós nos libertamos dessa influência viciante que sempre nos atormenta e passamos a viver na real espiritualidade de viver em amor, em paz, em silêncio, em contemplação!

De nada adianta você ser um Ser que veio de Órion, que é do raio branco, que tem os chacras ativos, que tem a aura de 5 metros, que é médium clarividente, mas que, na verdade, é egoísta, julga aos outros, vive projetando suas culpas e erros na costa dos outros, se acha melhor do que os que não adotaram nenhum caminho espiritual, se acha superior àqueles que cometem seus erros, etc...

A única espiritualidade que existe é a de autoconhecimento e de transcendência e, cá entre nós, esse caminho é para poucos, porque a maioria ainda quer brincar de ego.

Sair da roda de Samsara é para poucos, porque ela é viciante, ela fortalece o ego e as pessoas estão dominadas pelo ego. Sair da roda de Samsara exige abandono total do ego - é a gota que se dissolve no Oceano da Divindade Suprema.

Transcender Samsara e atingir o Nirvana é um caminho para aqueles que, de forma sincera, almejam uma vida real, de verdades e não de mentiras ou de ilusões. Porém, as verdades são árduas para a transcendência e para a libertação suprema. Já, as mentiras, são gostosas para a mente daqueles que se prendem à individualidade e ao poder.

Eu lhe pergunto: você realmente está em um caminho espiritual?

Bênçãos!

Texto: Cristian Dambrós 
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UChClv3hIgy0evHVLGnqfpQA 
Instagram: https://www.instagram.com/cristiandambros/ 
Página Facebook: https://www.facebook.com/portalconsciencia/

quinta-feira, 15 de março de 2018

OS EXTRATERRESTRES ESTÃO BUSCANDO OS CORAÇÕES BONS


Faz algum tempo que não escrevo aqui no blog mas hoje decidi voltar às ativas. Logo de cara, pensei em escrever sobre esse assunto, os extraterrestres. Muitos têm buscado entender quem são os extraterrestres, se realmente existem, o que fazem, qual é o sentido espiritual de estarem aqui em nosso planeta, etc..

Muitas pessoas têm sido abduzidas, têm tido sonhos com extraterrestres, visões espirituais, marcas no corpo e avistamentos de objetos voadores não identificados em todo o globo, sem exceções. O que, afinal, está acontecendo? Sabemos que após algumas explosões nucleares que fizemos, o fenômeno OVNI aumentou intensamente, diariamente estão ocorrendo avistamentos de discos voadores, esferas de luz e movimentações estranhas nos nossos céus. Há, inclusive, vídeos oficiais do governo americano, se não da NASA, onde aparecem OVNIS desativando mísseis e realizando interferências nas guerras atuais.

Ao que tudo indica, os extraterrestres chegaram para parar com essa bagunça toda! Entenda da seguinte forma: se você dá uma arma à uma criança, você acharia isso seguro? Da mesma forma, nós, seres humanos, somos crianças birrentas, impacientes e babonas com armas poderosíssimas em mãos que podem criar distúrbios no funcionamento harmônico do Universo à nossa volta. Se nós continuarmos destruindo a Terra desse modo e se continuarmos explodindo bombas nucleares, isso afetará rigorosamente a harmonia universal existente no Cosmos. Isso também pode ser entendido com a metáfora do apartamento: se você destrói o apartamento de baixo, o de cima cai. Se você destrói o apartamento de cima, provavelmente o de baixo também é prejudicado. Se nós destruirmos o planeta terra, iremos perturbar todas as outras civilizações à nossa vizinhança e se desalinharmos as energias cósmicas em nosso planeta, iremos, portanto, desalinhas as energias cósmicas ao redor de nosso planeta e em nossos vizinhos estelares.

Isso parece ficção científica mas, hoje, é entendido como Lei da Física: toda ação tem uma reação e, muitas vezes, em uma cadeia longínqua de consequências. É isso que os extraterrestres estão fazendo em primeiro lugar aqui: evitando que façamos caca.

Porém, nesse processo todo, eles também estão buscando pessoas que estejam alinhadas com a necessidade de mudança do nosso planeta, pessoas que, de alguma forma, estão incentivando e buscando a mudança global da consciência humana. Isso não se refere somente à ativistas, grandes instrutores ou mestres espirituais, mas sim, de pessoas simples, comuns, como eu e você que desejamos um planeta melhor e buscamos fazer o melhor por ele.

Ultimamente, em médiuns espalhados pelo mundo, extraterrestres têm utilizado a psicofonia ou outros mecanismos parapsiquicos para falar ao mundo da necessidade de boas vibrações pelo planeta. Nosso planeta possui uma aura e essa aura está sendo trabalhada pelas consciências extraterrestres com a finalidade de sutilizar a psicosfera planetária, desencadeando uma mudança de pensamento e de quebra de paradigmas, o famoso despertar da humanidade. Locais como a síria, que tem passado por intensos momentos de conflito e discórdia e locais por todo o globo onde reina o ódio, a injustiça e a melancolia, a psicosfera é demarcada com colorações acinzentadas e marrons, sinalizando a urgência de boas vibrações e de necessidade de limpezas planetárias. Os extraterrestres, com seus comandos e tecnologias de alta potência energética estão realizando essas limpezas, porém, necessitam da sintonia vibracional com encarnados ao redor do globo para que possam realizar seus projetos com sucesso.

Essa sintonia de que falo e de que os extraterrestres pedem, é uma sintonia vibracional que se dá com a emanação de boas energias e de boas intenções para o planeta ou para a humanidade, enfim. São emanações psíquicas-emocionais carregadas de potencialidades energéticas que são utilizadas pelos comandos estelares na limpeza da psicosfera planetária. Se cada um de nós nos reunirmos para fazer essa emanação ao planeta, pelo menos umas duas vezes por semana, já estaremos participando ativamente desse processo. Pode ser feita uma oração, uma visualização, seja o que for!

Devemos, inclusive, externalizar essas emanações para nosso dia a dia, aproveitando as oportunidades de sermos generosos, compreensivos e de fazermos o bem, sem doutrinas, é claro, sem limitações à nossas emoções humanas que emergem vez ou quando.

Você pode auxiliar os extraterrestres através desses momentos de retiro e de emanação pelo planeta. Pode ser um participante ativo da mudança da consciência global cada vez que decide mudar a si mesmo e transcender seu egoísmo. Isso pode soar duro de falar ou meio que impossível, mas a transcendência do ego significa nada mais, nada menos, do que o descobrimento de quem você é além das capas e das meias verdades condicionadas. Descobrindo quem você é você muda e, mudando, você muda o mundo!

Os nossos amigos e vizinhos, os ET's, estão buscando pessoas de bem para esse propósito todo de mudança global. Você pode ser parte disso!

Não dependemos de salvadores, é claro. Mas podemos nos interiorizar para externalizar um mundo melhor, na compreensão de que não existem salvadores, existem experiências em todo o Universo e nós somos tudo que precisamos.

Namastê!

Texto: Cristian Dambrós

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

7 BILHÕES DE PESSOAS NO MUNDO: VOCÊ É A MUDANÇA!


Queridos leitores, muitos de vocês que leem estes posts do blog são pessoas que estão, em algum sentido, buscando espiritualidade, buscando um mundo melhor, buscando o auto-conhecimento, buscando um sentido maior para a vida. A maioria dos posts que escrevo são posts extremamente intuitivos e esse é mais um deles.

Existem cerca de 7 bilhões de pessoas no mundo. Alguns já dizem que há 8 bilhões. Na época de Jesus Cristo, deveriam existir em média de 1 milhão de pessoas, mais ou menos. De um tempo para cá a humanidade foi aumentando, aumentando e aumentando. Hoje temos bilhões e bilhões de pessoas, de Consciências, de Seres espirituais buscando uma experiência na nossa amada Terra.

De onde vieram todas essas Consciências, por que a humanidade tem aumentado tanto e qual o sentido de tudo isso? Muitas pessoas começaram a encarnar pela primeira vez no planeta. há pouco tempo. Enquanto a humanidade evolui tecnologicamente, intelectualmente, ela também evolui espiritualmente, abrindo portas para grandiosas experiências de Consciências que desejam suas melhoras espirituais. A Terra está sendo berço para uma Nova Consciência e muitas Consciências desejam participar disso. Antigamente, a Terra era vista como um planeta primitivo, poucos desejavam experiências aqui, a não ser aqueles que necessitavam de ajustes espirituais urgentes. Hoje, a maioria das Almas que estão vindo para a Terra possuem poucos ajustes a se fazerem, algumas questões kármicas e grandes desejos de conquistas nos campos espiritual e moral, assim como a participação na mudança deste mundo! Estamos falando de uma humanidade que escolheu despertar e evoluir espiritualmente

O mundo está despertando para a realidade espiritual, para a nova moral, para as coisas da Consciência ou, como outros diriam, para as coisas do Espírito. Mas há um requisito fundamental nessa história: a necessidade da ação, da realização, da materialização do Novo Tempo. Uma coisa é acreditar em uma nova Terra e outra coisa é fazê-la. Os espiritualistas que se dizem sabedores da verdade e iluminados, necessitam rever seus conceitos agora mesmo, pois permanecem na inércia de seus próprios egoísmos. Está sendo necessária a investida de energia e tempo na construção de um mundo melhor, que começa em você!

Enquanto escrevo estas palavras me conscientizo da necessidade minha de fazer minha parte e não só de escrever esse texto. Convido você, também, a conscientizar-se da necessidade de sua ação no mundo. Estamos aqui como agentes da transformação, como trabalhadores da Luz. Aliás, muitos se dizem trabalhadores da Luz mas, porém onde está o trabalho? Sentar e imaginar figuras de Luz não muda o mundo, queridos. É necessária a transformação interna e a prática da espiritualidade no dia a dia.

Estou falando da importância da verdadeira busca: a busca das experiências na ação. O intelecto hoje é grande mas, do que se aproveita um grande intelecto se as mãos estiverem em completo repouso? Chegou o momento da AÇÃO! O mundo conta com você, agente! Há 7 bilhões de pessoas em nosso planeta e A MUDANÇA ESTÁ EM VOCÊ! Quando você decide praticar o bem e realizar a Nova Terra, todo o Universo conspira a seu favor, todos os guias e mentores te amparam nisso. Sem contar que, quando você começa a transformar sua realidade através da ação, você passa a ser um exemplo vivo que contagia as pessoas!

Meus queridos, estou falando da importância de você exteriorizar sua Luz! Da importância de você SER A LUZ QUE VOCÊ É, SEM MEDO! Expresse seus dons, seus talentos. Você pode se perguntar: "Mas o que devo fazer? Como transformo a mim mesmo e ao mundo?" E eu te respondo: Expressando seus dons, sua Alma, sua capacidade, sua alegria, sua autenticidade, sua criança interna! As doutrinas têm aprisionado as pessoas, movimentando-as à ação de forma errônea. "Ou você faz o bem ou irá para o inferno!". Vamos mudar um pouco isso? Que tal VAMOS FAZER O BEM PORQUE ASSIM CONTAGIAMOS O MUNDO? Ou, melhor ainda: FAÇA O BEM PARA TRAZER O CÉU À TERRA!

Você é Luz, porque você é Divino como é em sua expressão e beleza. Expresse sua beleza, seu Ser em tudo que você faz e, desse modo, contagie o mundo com sua energia. Essa é a verdadeira ação, o verdadeiro movimento: De dentro para fora! De expressão! E como isso é contagiante! Chegou o momento do trabalho e esse trabalho pode ser árduo e longo, mas ele brota do Ser, do coração, da coragem, da determinação e da sutileza, integradas na vontade de ser quem você é! Seja SUA LUZ NA ESCURIDÃO!

Eu peço, gente, que compartilhem esse post. As pessoas precisam saber que a Nova Terra se manifesta na medida em que manifestamos a nós mesmos, na medida em que expressamos quem somos, sem medos, sem auto-limitações. Fazer nossa parte no mundo é essencial e isso começa quando passamos a fazer o bem conosco mesmos: Nos amando e nos expressando, buscando nosso próprio interior e, somente então, externalizando-o ao mundo todo!

Namastê!

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

A ARTE DE AMAR - A FRAGRÂNCIA DE DEUS


Saudações, pessoas!

O amor é contagiante. Ele é quase como uma droga, ele é viciante, extasiante. Ao contrário das drogas, ele faz bem, ele é vivificante. Ah, se as pessoas experimentassem o amor! Nesse texto vim lhes falar da arte de amar.

A arte de amar é a arte, o modo de vida, de edificar o amor, de optar pelo amor ao invés da dor, do desprezo, da amargura, da ingratidão. Quando você começa a levar a vida pelo caminho do amor, do amar, tudo muda, tudo fica leve, tudo é motivo para escolher amar.

A vida é feita de amor, mesmo que muitas pessoas vivam sem ele. O ar que você respira é a vida que te ama. O raiar do sol é Deus lhe dando bom dia. O canto dos pássaros é a natureza lhe oferecendo sua beleza. O sangue que corre em suas veias é o amor que seu corpo tem por você e assim vai... O Amor é Vida e está sempre presente em toda a Criação.

O que acontece é que muitas pessoas esquecem-se desse Amor, esquecem-se dessa Essência primeva da Vida. Há um campo de energia que circunda tudo e que a tudo move, como se fosse a mesma Energia presente em todas as coisas. Alguns podem até chamá-lo de prana, de energia vital, de átomos, de Deus ou, simplesmente, de energia. Mas eu diria que essa Energia é Amor.

Nada, absolutamente nada pode se afastar do amor. Não existe alguém que não esteja dentro desse campo onipresente da Vida. O que acontece é que as pessoas negam o Amor e, então, não amam. Porém, o Amor continua presente como suspiro vital da vida una.

O homem que nega o amor, que evita o amor, apenas evita sua própria essência e se distancia de sua felicidade. A essência do Ser é amor, uma vez que você retire todas as máscaras, todos os medos, todos os padrões.. uma vez que sua identidade caia, o que resta é Amor, é Paz. Portanto, o Ser é Amor e, no momento que você escolhe amar, você começa a expressar o Ser.

Deus é o Perfume do Amor dentro de cada Alma. As Almas, por sua vez, são as Flores que, ao se abrirem para o Amor, permitem que seus aromas se exalem e iluminem o mundo com a fragrância da Paz. Ah, se as pessoas amassem, quão melhor não seria o mundo?

Eu te convido, amigo(a), à praticar o Amor em seu dia a dia. Falar de Amor é fácil, mas praticá-lo é que é necessário. Dar um abraço, um sorriso, um carinho. Ser compreensivo, generoso, caridoso. Estar disponível para ajudar e para receber ajuda. Parar com as auto-piedades e praticar a gratidão. Desse modo, pouco a pouco, o Amor vai florindo e exalando sua fragrância, Deus vai se manifestando e a vida vai se transformando num jardim de oportunidades para o Bem.

E, falando em Bem, tudo e todos caminham para ele. Cedo ou tarde as Almas se fundirão no Oceano da Divindade ou, em outras palavras, voltarão-se ao Amor maior.

Namastê!
Gratidão!

Texto: Cristian Dambrós


2019: INÍCIO DE UMA ERA DOURADA

   Namastê.     Fazia muito tempo que eu não trazia mais nenhum assunto aqui para o blog, mas há uns dias venho sentindo de trazer as p...